segunda-feira, 9 de junho de 2008

É nóis, mostrando que faz acontecer!




O jogo de Portugal vi-o onde não esperava. Num tasco qualquer, vulgo tasco do Sr. Adriano, nos Anjos, onde os copos tinham brinde e traziam sardinha agarrada, onde paguei 11 euros para comer batatas fritas com ovo estrelado porque o bife me pareceu muito suspeito, onde arranjei uma dor na garganta tipo anginas porque não consegui deglutir um bocado de chouriço e ele ficou entalado algures a caminho do estômago (só se deslocando à custa de muito pão engolido a custo). Portugal olé! Festa de pilas, olé!
Agora, para contrabalançar vou para o Funchal com a minha amiga (a.k.a. vou cortar os pulsos. já sou digna de uma foda?) passar o fim de semana a torrar como um torresmo (peço desculpa pela aliteração).




Alguém quer alguma coisa? Poncha? Banana? Um ilhéu bem apessoado?!

2 comentários:

>> nim disse...

eu quero bolo do caco!!!

Pulha Garcia disse...

dizem que uma boa tasca faz melhorar as defesas bactereológicas...