quinta-feira, 2 de abril de 2009

Não, este post não é sobre TI. De todo. Seu machão, eh!

Sexta-feira. Madrugada. Um vento de arrepiar. Daqueles que bate nos estores e janelas e faz um cagaçal dos diabos. Uma cama. E duas pessoas. Sendo que uma delas (eu, se quiserem imaginar) está a dormir ferrada, aquele sono que acontece no final de uma semana carregada. Estava em REM ao cubo, para terem noção - ou melhor, essa pessoa hipotética estava.

Uma cotovelada.
Duas cotoveladas.
Uma tosse mais forte. Um abanão na cama.

E eu - ou essa pessoa que estão a imaginar - não acorda. Nada. Nem se mexe.
Até que um safanão mais forte a acorda, estremunhada, seguido de um aflito - vá, um bocadinho aflitinho:

O espécime macho - Está alguém lá fora!
Eu - Huh?!
O espécime macho - Está alguém lá fora! Não ouves? Olha, ouves?!
...
Eu - Que é que queres que eu faça?!









Extremamente Macho, huh?

2 comentários:

R.L. disse...

para eu dormir bem ele precisa de não se mexer e quase de não respirar, pq ao contrário de ti, tenho sono leve e é uma odisseia para adormecer.
mas sim, acho q devias ter sido tu a levantar-te e ir ver o que se passava, e agora usas isso como arma, pq afinal, quem é q veste as calças la em casa, carago?

A Rainha disse...

LOL Acho que ele queria que pegasses no taco de basebol e fosses lá fora :P Sim a expressão foi retirada desse episódio. :D **