quarta-feira, 17 de junho de 2009

Os Anos 90... Aí é que era!


Este calor dos diabos, vindo directamente da Mongólia, fez-me lembrar noutros tempos também encalorados. E se é sabido que eu sou uma pessoa dos 80's (reserva de 82, que é a melhor), não posso negar que passei bem a década de 90... Especificamente o ano de 1992 nessa mítica localidade que é os Olhos d'Água (muito antes do Toy se armar em parvo e começar a gritar olhos d'águaaaaaaaaaaa e antes ainda da história das gémeas pobrezinha e riquinha da TVI cuja diferença residia no franzior do sobrolho)...

As férias duravam três meses em que éramos desterrados para o Algarve. Quando, com 10 anos, ia feita louca para a única discoteca do sítio, o Marraquexe, em que o DJ era um inglês trintão que andava atrás das primas de 15. Dançávamos ao melhor estilo com o Pump Pump the Jam ou com o MC Hammer (sim, eu tinha as calças... em três cores!). E depois, às três da manhã (que era a hora em que tudo terminava) íamos à padaria comer pão com chouriço. Bem, para ser honesta, isto se calhar durou uma semana apenas (devia ser a semana em que o meu pai tinha de ir trabalhar para aguentar aquela gente toda de papo para o ar) mas, na minha cabeça, isto estendeu-se durante todo o Verão, ao ponto de ter sido talvez, por comparação, a altura em que mais vida social tive.


Palmilhávamos vezes sem conta o caminho casa-praia sempre que chegava a hora das Marés-Vivas - antes do festival de silicone - sem ter medo de velhos babões que nos podiam raptar. Brincávamos com Barbies a imitar os putos do Beverly Hills. O Dylan tinha um piercing na orelha e umas cicatrizes na sobrancelha...
Quando comer hamburguers era uma novidade do cacete e tinha direito a um dia por semana apenas, no bar dos "camones", e de seguida marchava um Mars em gelado. As pizzas ainda eram uma coisa estranha e os miúdos raspavam a cobertura, meio enjoados, e só comiam a massa. Toda a gente tinha camaroeiros e eram mais as vezes que se apanhavam sanguessugas do que camarões em estado fetal. Toda a gente tinha bandoletes com smileys amarelos e t-shirts do Fido Dido.

Os ciganos eram fixes e ao fim da tarde descíamos com eles a rampa de alcatrão, com os cús metidos descuidadamente em pedaços de cartão retirados do lixo.
A protecção para o sol consistia numa t-shirt branca molhada e nuns sapatos de borracha para o peixe-aranha. O sucesso do Verão só se media, depois, em casa, com a família agrupada a retirar as peles carbonizadas pelo sol (obrigada Mãe, por seres tão consciênciosa, e eu hoje ter a cara coberta de sardas à pala deste momento familiar tipo Gorilas nas Brumas.)






Nunca mais nada teve a mesma piada!

12 comentários:

Laetitia disse...

Imagino!:p

crème fraîche ∇ disse...

10 anos e discosteca até às 3? que sorte...
a mim esses tempos lembram-me as praias de benidorm e ACE OF BASE em repeat =D

a estagiária disse...

Com 10 anos não ia para discotecas ainda.. mas lembro-me perfeitamente da Pump Pump the Jam a fazer vibrar as garagens dos amigos nos seus aniversários...
Bons tempos..

Ruca! disse...

miss, és forte. este post é um granda doce!

e já comia um mars em gelado. comia pois.

paddy disse...

Spice girls e dragon ball <3

desvios (o maior da sua aldeia, num tasco perto de si) disse...

belos tempos.ainda no outro dia eu e a galera estivémos a relembrar a fase do irc(ola, idd, ddtc, e tens foto?) em que tudo era mais fácil.

Anny disse...

Oh que nostalgia. Eu tinha uma paixão platónica pelo Matt das Marés Vivas. Era tão feliz :(

miss gija disse...

tou com os ace of base...sei que levava um rádio para a praia e uma data de cassettes e era conhecida como a miuda da musica. ehehe
era feliz ao ver o eddie e a erika =)

akacorleone disse...

tantas lembranças de infancia, foi uma boa viagem a passado, pois apesar de ser de 85, as minhas referências são practicamente as mesmas, principalmente a biblia visual k são as marés vivas!

obrigado por este post, foi mesmo bom voltar a lembrar me destes tempos!

Lady Oh my Dog! disse...

pois eu estou como a inversiva. se alguma vez eu ia para a discónight tão novita. é que nem pensar!

e ao fim ao cabo, tanta proibição para quê? olha, deu no que deu.

gostei muito deste post 90's :)

Cat disse...

calipo(só gelo e corantes, gelado "puribido"), dragon ball, vamp, não era a ciganada mas (o bairrinho d´) os pescadores de uma costa da caparica apinhada, sul de espanha (sempre apinhada de gente do porto) e amigos de toda a parte do mundo, lembro-me de um Verão em que eu e os meus irmão estavamos sempre com um grupinho de islandeses e italianos e depois do Verão nos mandarem cartas, bandoletes (check), dias inteiros em cima de bicicletas, petazetas, calções hiper reduzidos e all stars, calças/leggins rosas/verde alface com uns estampados terríveis uma flores (horrorosas), t-shirt molhada (check) como protecção solar, (rebobinar) cassetes (lado A e B) que ouvíamos over and over no rádio (nirvana, pearl jam, inxs), joelhos e cotovelos constantemente em ferida e o belo do cicatrin..........etc :)Adorei o teu post!

Andre Simoes disse...

Hey! fizeste-me sorrir e como que por momentos voltar ao passado e a esses momentos mágicos, que agora soam a pura nostalgia.

Mas é óptimo revivermos o passado, principalmente quando esse passado foi de facto feliz, e por mais que venha a acontecer, ninguém nos rouba esses anos dourados. ; D

Muito bom mesmo, obrigado pela viagem no tempo. ; )

Beijinho *